Seita sacrifica jovem em ritual de magia negra

No dia 06/09/2015, às 11:00 hs, o corpo de um jovem não identificado, aparentando sinais de violência e tortura, é  encontrado na rua Projetada  A, bairro de Xerém, Município de Duque de Caxias.    A  equipe do GELC  (grupo especial de local de crime) da D.H.B.F., sob o Inquérito Policial nº 861-1207/2015, comparece ao local assumindo a investigação que somente 24 horas depois identifica a vítima como uma pessoa que estaria desaparecida desde o dia 06/09/2015, com registro de ocorrência nº061-02312/2015, quando estaria no interior de um centro espirita localizado naquele mesmo bairro. As oitivas iniciais demonstraram que a vítima e testemunhas teriam participado de um ritual denominado “ Ritual de Inicialização” , quando teriam sido encapuzados, com capuz embebido em cachaça, recebendo várias facadas, agressões nos braços, cabeça, costas e pernas, sendo acorrentados pelas mãos enquanto eram chicoteados, momento e que a vítima pedindo clemência  teria falecido em decorrência da violência sofrida, sendo seu corpo desovado no local de encontro. O GIC (grupo de investigação complementar), comprovava todos os fatos e numa operação denominada “ Black Magic” cumpria  09 (nove) Mandados de Prisão e Mandados de Busca e Apreensão, contra os participantes daquela seita macabra, sendo arrecadados vários objetos utilizados durante o ritual. Todos os envolvidos  responderão ao Processo nº 0056665-46.2015.8.19.0021 que tramita na 4ª Vara Criminal da Comarca de Duque de Caxias-RJ.    



]">

]">

]">

]">


Pensamentos

"O Chefe de Polícia tem que ter visão Operacional, Administrativa e Política."

- Daniel Gomes -